Diễn đàn game zombie

Unfortunately no one can be told what FluxBB is - you have to see it for yourself.

You are not logged in.

#1 2020-09-09 13:36:02

RunakHomfows
Member
From: Norway
Registered: 2020-09-09
Posts: 1

CBLoL 20 | brTT comenta sobre a derrota na final

CBLoL 20 | Tay comenta sobre “sorte” que levou ao penta da INTZ

DC Comics | Revelada a prévia de Dark Nights: Death Metal Trinity Crisis #1.
CBLoL 20 | brTT comenta sobre a derrota na final.
CBLoL 20 | Tay comenta sobre “sorte” que levou ao penta da INTZ.

CBLoL 20 | INTZ vence clássico e conquista o pentacampeonato

CBLoL 20 | Tay comenta sobre “sorte” que levou ao penta da INTZ.
“A sensação de ganhar é sempre boa.
É até engraçado pra gente, porque sempre que chegamos na final, somos desacreditados” dispara Tay.
23 minutos ago   6 de setembro de 2020                 Após a vitória da INTZ na final do CBLoL contra a paiN Gaming que aconteceu neste sábado (5), os intrépidos comentaram em entrevista coletiva, sobre a “sorte” que sempre os leva para a vitória, .

Sendo o primeiro time brasileiro a conquistar o CBLoL cinco vezes

Confira a conversa com a equipe e organização:  Redbertt, em 2017 você foi “carrasco” da paiN quando jogava pela Team One e hoje você teve a chance de ser o “carrasco novamente”, tendo recebido até mesmo o MVP da série.
Queria saber como é pra você.
Eu não acho que eu seja o “carrasco” da paiN (muitas risadas e todos do time falando que é sim) porque é a segunda vez que a gente se encontra em uma final, acho que é muito mais a preparação do time em si que faz os times que joguei contra eles serem superiores, porque pela fase regular a gente perdeu os 3 jogos, então eu não sei se seria porque é bem difícil jogar contra eles, eles foram superiores a nós na fase regular, mas foi a preparação para a final em si que acabou sendo superior mesmo.
A campanha do MSI 2019 ficou bastante marcada negativamente na história da organização pela derrota para a MEGA e até hoje vocês devem escutar comentários sobre isso nas redes sociais, então agora que vocês estão indo para o Mundial, mais uma campanha internacional e segundo Mundial do Micão na carreira, .

Vocês sentem que existe um estigma sobre a INTZ por causa daquela campanha de 2019

Eu acho que nem é só com a gente, independente de quem fosse representar o Brasil lá fora sofreria com isso.
Talvez seja um pouco mais elevado com a gente, por causa dessa campanha, mas eu acho que o torcedor brasileiro ta desacreditado da campanha internacional do Brasil, porque não temos uma campanha boa la fora tem muito tempo, então todas as outras regiões menores estão mostrando resultados melhores e a gente sempre pior, então eu acho que é mais esse quesito do torcedor não ter fé nos representantes brasileiros.
Gostaria de saber sobre o psicológico do time.
Durante todos os jogos, deus pra ver que vocês estavam no controle das ações, vocês sabiam o que fazer e não deixavam o emocional tomar conta.
Como vocês se prepararam, para jogarem uma final tão decisiva contra a paiN, .

Sabendo toda a carga do CBLoL e de todas as dificuldades

A nossa preparação pra esta final foi tão dedicada e esforçada quanto as outras duas, o que teve de incomum, em todas as finais jogamos contra o brTT, então todos os jogos eles vinham com muito poder na botlane então a gente sabe lidar com isso e nossa preparação psicológica pra MD5 foi uma das melhores, a gente nunca se abala e se a gente se abala, reseta para o próximo game e é isso que faz da gente um time especial, porque a gente não tem medo de executar o que tem que ser executado e a gente faz o que tem de ser feito.

Este ano tivemos um CBLoL bastante atípico por causa da pandemia

Gostaria de saber se esse campeonato remoto afetou de alguma forma o preparo dos jogadores e como isso influenciou vocês.
Afetou bastante e não só para o nosso time, nos especificamente decidimos não manter ninguém da equipe junto justamente para proteger a saúde de todos e da família de todos, então assim que estourou a pandemia no começo de março a gente já combinou com todo mundo, construímos um setup na casa de cada um para poder jogar e assim a gente se manteve o ano inteiro.
É um pouco mais difícil de se preparar quando não tem o olho a olho, quando não tem a comunicação direta e o fator humano, mas acho que quando todo mundo decide ser super maduro e sacrificar o conforto para poder fazer acontecer, é neste momento que se cria a diferença.
Então não precisamos forçar ninguém a se reunir para termos bons treinos e bons resultados.
Tay, qual foi a sensação de ganhar não só do favorito entre os torcedores mas também daquele que se dizia ser o favorito para se destacar no mundial.
A sensação de ganhar é sempre boa.
É até engraçado pra gente, porque sempre que chegamos na final, somos desacreditados.
Então pra gente é sempre uma sensação muito boa, porque provamos que os outros estão errados.
O que vocês acham dessa fama de “Underdog” (subestimados) e quando chega a final, não importa o hype do oponente, vocês vão lá e ganham.
Os caras sempre falam que é sorte que a gente está aqu, mas parece que é uma sorte que nunca acaba porque a gente sempre volta e sempre ganha, a gente ta sempre jogando bem, e por mim Tay, não me importo se não quiserem acreditar na gente, nós vamos acreditar em nós mesmos.
Queria saber sobre o treino com a Team Liquid no NA, de onde veio a ideia, como surgiu esse contato e agora, como a Liquid perdeu, tem uma chance de vocês jogarem contra eles lá fora.
O que vocês esperam.
Sim, conseguimos um treino com eles esta semana, foi bem legal da parte deles.
Eles deram uma boa oportunidade pra gente e eu espero que tenhamos dado um bom treino para eles.
Fico triste em saber que eles acabaram perdendo na ultima dividida e de fato, se a gente acabar não se enfrentando, que a gente consiga treinar mais junto, os dois times podem ganhar muito com isso e eles já são parceiros nossos de treino desde o MSI e a gente tem uma boa relação.
Imagem: Bruno Alvares/ Riot Games A INTZ representará o Brasil no Campeonato Mundial de League of Legends, que será realizado em Xangai, na China, entre 25 de setembro e 31 de outubro.
CBLOLCBLoL 20CBLOL 2020INTZmicaoRiot Gamesriot games brasil            Up Next  CBLoL 20 | brTT comenta sobre a derrota na final                      CBLoL 20 | INTZ vence clássico e conquista o pentacampeonato                                       Redatora, streamer, arquiteta não remunerada, main Xayah e apaixonada por e-sports e League of Legends.
CBLoL 20 | brTT comenta sobre a derrota na final.
CBLoL 20 | INTZ vence clássico e conquista o pentacampeonato.
Comments.
CBLoL 20 | brTT comenta sobre a derrota na final.
O jogador diz que precisa repensar algumas coisas.
14 minutos ago   6 de setembro de 2020      Victor Bosco                 A final do segundo split do CBLoL não teve um final feliz para Felipe “brTT” e os torcedores da Pain Gaming.
O segundo split vinha sendo muito bom para Pain que conquistaram o primeiro lugar na tabela antes do final das classificatórias.
Era de se esperar que o atirador não ficaria feliz, ele ainda deixou um recado aos fãs dizendo que precisava repensar algumas coisas, e parabenizou a INTZ.
Não tem mt o que dizer, dei meu sangue pra trazer esse título e meus companheiros tbm, mas eles jogaram melhor.
Talvez eu precise repensar sobre mts coisas agora.
Obg pelo carinho de sempre.
Gg intz.— Felipe Gonçalves (@brttOficial) September 6, 2020 A Pain diz reconhecer o esforço do atleta e agradeceu o mesmo.
Kami também parabenizou o Mid Laner Tinows e reconheceu o trabalho do colega de equipe.
Nós sabemos que você deu o seu máximo 100% do tempo.
Se não fosse assim, não seria você.
Obrigado, pai ❤— paiN [email protected]???? (@paiNGamingBR) September 6, 2020 Com a derrota, .

Agora a INTZ segue para o mundial e representará o Brasil no campeonato

O mundial de LoL acontecerá entre 25 de setembro a 31 de outubro na China.
CBLoL 20 | INTZ vence clássico e conquista o pentacampeonato.
A INTZ garantiu também uma vaga para representar o Brasil no Campeonato Mundial de League of Legends, que será realizado na China.
3 horas ago   6 de setembro de 2020                        Neste sábado (5) aconteceu a final do 2º Split do CBLoL 2020.

O embate decisivo foi o clássico INTZ contra paiN Gaming

onde os intrépidos levaram a melhor em jogos emocionantes e conquistaram o quinto título do time mais a vaga no Mundial 2020.
Confira os jogos: 1º JOGO – INTZ 1×0 PNG O primeiro jogo teria de ser rápido para a paiN Gaming, já que o atirador brTT escolheu jogar com seu famoso Draven e o time na INTZ escalaria muito no late game.
E foi o que aconteceu, só que para os intrépidos.
Envy e sua Orianna atropelaram o jogo e nem deram chances da paiN se reerguer.

Em menos de 28 minutos o placar foi aberto 1×0 para o time da INTZ
2º JOGO – INTZ 2×0 PNG O segundo jogo já foi um pouco mais disputado

Mais uma vez a Lillia apareceu em campo, tendo sido escolhida em outras regiões, mas que não trouxe muita sorte para a equipe da paiN.
Mesmo com o Cariok dando ritmo pro jogo com toda a mobilidade da campeã, mas Shini brilhou novamente e conquistou muitos objetivos que trouxeram os intrépidos para o jogo.
Em uma disputa acirrada e emocionante, .

A INTZ acabou levando a melhor em uma teamfight e venceu seu segundo jogo do dia

3º JOGO – INTZ 2×1 PNG O terceiro jogo era tudo ou nada para a paiN Gaming e a pressão estava toda em cima deles, e isso não foi um empecilho.
A equipe conseguiu se reerguer fazendo uma partida equilibrada, com todas as rotas tendo vantagem e com o MVP para Esa com seu Sett que conseguiu virar muitas lutas e manter a paiN na competição para a vaga do Mundial e a taça do CBLoL.
4º JOGO – INTZ 3×1 PNG O quarto jogo foi um respiro para a paiN que ainda estava viva no jogo, mas que não durou muito tempo.
Desta vez, foi na rota do mid que os intrépidos focaram para desestabilizar o jogo do Tinowns, que foi dito como melhor Midlaner BR e não saíram de lá até o Envy estar gigantesco, em cima da Orianna do Tin.
Além da fase de rotas da rota do meio estar totalmente perdida, a INTZ ainda soube rotacionar e distribuir a vantagem para as outras rotas e conquistaram os objetivos, onde em 27 minutos, fecharam o jogo e ganharam a série, levando a taça do CBLoL 2020 para casa.
Imagem: Bruno Alvares/ Riot Games A INTZ representará o Brasil no Campeonato Mundial de League of Legends, que será realizado em Xangai, na China, entre 25 de setembro e 31 de outubro.
Vintage Culture e Pedro Qualy embalam abertura da Final do CBLOL 2020.

“Somos um só” agracia abertura do CBLoL com os campões invadindo a cidade de São Paulo

1 dia ago                          A final do CBLoL 2020 acontece neste sábado (5) e todas as finais sempre foram marcadas por atrações musicais e eventos incríveis, e mesmo com toda a paralisação por conta do COVID-19 e o Campeonato ter sido remoto, não foi diferente desta vez.
Embora não tenha sido possível organizar uma cerimônia de abertura com performance de artistas no palco em razão da pandemia, a música segue presente, desta vez em um filme, no qual os Campeões de League invadem a cidade de São Paulo.
Assinam a faixa “Somos um só” o artista Vintage Culture e o rapper Pedro Qualy.   Para a abertura de 2020, o objetivo da Riot Games foi enaltecer os Esports em um ano de tantos desafios.
Para criar esse hype e motivar a comunidade, o gênero escolhido foi o eletrônico, um dos estilos prediletos dos jogadores de League of Legends.
Foi necessário, então, entender junto à comunidade quem seria o artista a dar vida à cerimônia.
Vintage Culture liderou as pesquisas e foi assim que surgiu o convite ao músico. Ele também é o responsável pela trilha sonora da decisão.
Para ouvir as faixas que embalaram a final, acesse o hub de League of Legends no Spotify.   “Eu adoro games e sou fã da Riot.
Sem dúvidas, o League of Legends é um dos jogos mais legais.
Estou honrado pelo convite e por ter sido escolhido pela comunidade do CBLoL”, diz Vintage Culture.
“Espero que gostem do tema de abertura, que foi feito com muito carinho para vocês.
Ah, e GG a todos!”, completa o músico.  Para o projeto, a Riot Games também convidou Pedro Qualy, um dos nomes mais populares da comunidade, conhecido não só pela sua carreira como rapper no grupo Haikaiss, mas também pela suas streams.
Qualy já desenvolveu projetos musicais com pro players e está entre os artistas mais lembrados pelos jogadores de League.
O artista compôs a letra, que exalta a comunidade, em uma parceria inédita com o Vintage Culture.  “Esse convite foi muito daora pra mim.
Já acompanho o cenário da League Of Legends tem um tempo, vi outros artistas participando dessa final e fazer parte disso é gratificante demais.
Me sinto lisonjeado.
Tenho um carinho muito especial com a comunidade de LOL e espero que todos curtam esse som!”, declara Pedro Qualy.
A final do 2º Split do CBLoL 2020 será decidida neste sábado e o vencedor terá uma vaga garantida para o Mundial.

Offline

Board footer

Powered by FluxBB